Entrar  |   Registe-se  |   Ajuda
21 Novembro 2018
quarta-feira


Apresentação
Estatuto editorial
Ficha técnica
Newsletter
Publicidade
Contactos
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
CERVAS devolve à Natureza 55 aves selvagens
19 Jul 2017, 00:00
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 som(s)
  0 documentos(s)
Visualizações: 1431
Acessibilidade:

Desde 09 de julho e durante o mês que se segue o Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens (CERVAS), de Gouveia, irá iniciar um conjunto de diversas ações de devolução à Natureza de 55 aves selvagens que ingressaram no centro com vários problemas.

Corujas-do-mato (Strix aluco), corujas-das-torres (Tyto alba), mochos-galegos (Athene noctua) e mochos-d´-orelhas (Otus scops) são as aves de rapina nocturnas que regressarão à Natureza. Entre as rapinas diurnas destacam-se os milhafres-pretos (Milvus migrans), os tartaranhões-caçadores (Circus pygargus), as águias-d´asa-redonda (Buteo buteo) ou os peneireiros-vulgares (Falco tinnunculus). Serão ainda libertados vários andorinhões-pretos (Apus apus) e andorinhões-pálidos (Apus pallidus) e passeriformes de diferentes espécies, como por exemplo pisco-de-peito-ruivo (Erithacus rubecula), rabirruivo (Phoenicurus ochruros), tordoveia (Turdus viscivorus) ou andorinha-dos-beirais (Delichon urbicum).

A principal causa de ingresso destes animais foi a queda precoce dos ninhos, mas também há situações de atropelamento, cativeiro ilegal e colisões. Tal como tem sido habitual desde o início do funcionamento do centro, em 2006, na maior parte dos momentos de devolução à Natureza dos animais recuperados irão estar presentes as pessoas que encontraram os animais, sendo também convidadas diversas entidades, com o objetivo de contribuir para a educação ambiental das populações e para um maior conhecimento da fauna selvagem autóctone e os seus principais problemas de conservação.

As primeiras aves, dois milhafres-pretos, foram libertadas no dia 09 de julho. As seguintes devoluções à Natureza irão sendo divulgadas através da página do CERVAS no facebook (https://www.facebook.com/cervas.pnse/), sendo a participação livre por parte de todas as pessoas interessadas.

 

O CERVAS é uma estrutura que se dedica à recuperação de animais selvagens e à educação ambiental e está localizado em Gouveia, no Parque Natural da Serra da Estrela. A gestão do centro está a cargo da Associação ALDEIA (www.aldeia.org) desde 2009, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e com a ANA – Aeroportos de Portugal, SA, o principal patrocinador do centro.

Todas as pessoas que desejarem conhecer melhor o CERVAS podem consultar a página http://cervas-aldeia.blogspot.com e no Facebook. Para apoiar o CERVAS também é possível proceder ao apadrinhamento de animais em recuperação, sendo esta uma das melhores formas de envolvimento direto que os cidadãos e entidades poderão realizar. Atualmente está em curso uma campanha de apadrinhamento de crias, que ingressam em grande número nesta época do ano.

Tags: cervas
Documentos para Download
Notícias Relacionadas
Classifique esta notícia:  Sem classificação
0 Comentário(s)
Videos
Mais comentadas
Mais lidas
Pesquisa de imóveis »
 
Moradia para Restaurar T3
Venda - Usado
Aveiro
Albergaria-a-Velha, Albergaria-a-Velha e Valmaior
Consultar Imóvel »
Apartamento T2
Venda - Usado
Coimbra
Figueira da Foz, Buarcos e São Julião
Consultar Imóvel »
Quartos   
© 2011 Jornal da Mealhada. Todos os direitos reservados. Política de privacidade Desenvolvido por  Marques Associados Digital Lda.